Monumento [humano]

Salvador Dalí
Ilustração Surrealista | Salvador Dalí – “Archeological Reminiscence Millet’s Angelus”

De lembranças recalcadas, esquecidas na obscuridade do inconsciente, somos feitos. Somos resíduos de um passado que, embora “perdido”, insiste em reaparecer disfarçado. Repetimos o que havíamos deixado lá trás, repetimos nossos amores, nossos desafetos, nossos erros, influenciados por restos do que fora vivido.

Somos obras do que se foi, obras de reminiscências de nossa infância, obras erguidas no solo do nosso passado que, embora sob o manto da contemporaneidade dos nossos tempos, ainda exerce sua força sobre nós. Somos constituídos por marcas pueris, registros infantis, afetos despertos quando pequenos e que nunca adormeceram.

Na formação do Eu o atual e o arcaico mesclam-se. Somos isso, somos monumentos erguidos por um passado em um presente indefinido.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s